sexta-feira, 9 de maio de 2014

Fla-Flu de opostos...


O Campeonato Brasileiro chega à 4ª rodada neste final de semana, e para nós, torcedores cariocas, o Fla-Flu deste domingo, 4 da tarde, no Maracanã é o jogo cercado maior expectativa. Dois grandes clubes, dois eternos rivais em momentos opostos na temporada.

O Flamengo busca o melhor futebol. Aliás, ainda não fez uma partida capaz de empolgar o torcedor este ano. As boas exibições que, somadas à empolgação dos torcedores, levaram o clube à conquista da Copa do Brasil ficaram esquecidas em 2013. Fato que o Mengo sente falta de Elias e não encontrou alguém que possa ser o ponto de equilíbrio no meio-campo. Os desfalques também atrapalham a equipe – neste domingo, Léo, Chicão, Elano e Hernane estão fora e Everton fica no banco – e fazem Jayme de Almeida balançar no cargo de treinador. E como pesa o resultado de um clássico.

Pelo lado das Laranjeiras, a derrota para o Vitória em nada abalou a relação com a torcida. O Fluminense começou bem o campeonato, fez bons jogos e se mantém no pelotão da frente. Entretanto, precisa ser mais eficiente nas finalizações. É um time que cria muito, mas não transforma as oportunidades em gols como poderia e deveria. Às vezes não faz falta, como na estreia contra o Figueirense, mas em alguns casos o castigo vem. O Flu de Cristóvão Borges é a equipe que mais finaliza no Brasileirão, e possui o centroavante da Seleção Brasileira em seu plantel. Fred, com outra postura dentro e fora de campo desde a chegada de Cristóvão, é a esperança dos tricolores. E daqui a um mês será a de todos os brasileiros...

Botafogo x Criciúma: Ainda em busca da primeira vitória, o Botafogo, convenhamos, terá um adversário longe de ser assustador neste sábado, no Maracanã. A oportunidade de vencer, diante da torcida, está aí. O alvinegro mostrou alguma melhora nos jogos contra Inter e Bahia – já possui o mínimo de organização e velocidade para atacar – e precisa transformar a evolução em pontos. Pelo menos, o torcedor tem alguma perspectiva. Mesmo com os erros consecutivos de uma diretoria que por falta de planejamento e competência, em apenas três meses, pode ter acabado com o ano mais importante para o clube na última década. Ah! E Carlos Alberto vem aí... empolgados?

Vasco x Oeste: A caminhada na série B do Brasileirão prossegue, e o desafio deste sábado é o Oeste em São Januário. O Vasco vive a rotina de enfrentar adversários desconhecidos, inferiores tecnicamente, mas que jogam uma final de Copa do Mundo quando enfrentam um clube da grandeza do cruzmaltino. Edmilson, Pedro Ken e Guiñazu seguem de fora, e Fabrício pode ser a novidade. O Vasco é infinitamente superior aos rivais, mas precisa igualar na vontade. Eis o desafio para Adilson Batista: motivar jogadores de série A, em um clube de elite, numa competição longa como essa...

Friburguense: O Tricolor da Serra voltou aos treinos, e já mira o título da Copa Rio, em setembro, para disputar a série D em 2015. Esta é a única possibilidade para o clube crescer dentro do futebol nacional, e ter um calendário completo de jogos. Romulo, Toshyia, Luis Felippe, Marcelo e futuramente Lucas (não fica para o segundo semestre) são as baixas. Sergio Gomes, Cadão, Bidu, Flavinho, Ziquinha e Jorge Luiz seguem firme. Os garotos da base estão subindo para compor o elenco. Avante Frizão!

Um pouco mais: Domingo, 11, é dia... das Mães, claro, mas também de GP da Espanha de Fórmula 1. O até então invencível Vettel sofre nesta temporada, e apresenta um novo chassi para tentar chegar junto novamente. No entanto, o motor Mercedes sobra. As mudanças nas regras não tinham como objetivo equilibrar a categoria? Parece que não deu muito certo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário